Mídia

Newsletter | Inscreva-se para receber nossas publicações periódicas

Notícias
03/08/2020

EMPREGADA QUE ESPERAVA 20 MINUTOS POR TRANSPORTE DA EMPRESA TEM DIREITO A HORA EXTRA

O período foi considerado tempo à disposição do empregador.

A Oitava Turma do Tribunal Superior do Trabalho determinou o pagamento de 20 minutos residuais da jornada de trabalho de uma ex-empregada da Seara Alimentos em Forquilhinha (SC). Segundo o órgão, o tempo despendido pelo empregado na espera de transporte fornecido pelo empregador é considerado à disposição deste, desde que seja o único meio de transporte disponível ao empregado.

Leia mais [+]

 
 
 
 
 
 
 
 
 

Escrito por:

MG&A | Comunicação
MG&A | Comunicação
Maran, Gehlen & Advogados Associados break Departamento de Comunicação break contato@marangehlen.adv.br

Voltar